Estou escrevendo essas linhas na cozinha da casa onde passei a maior parte da minha vida. Cheguei de madrugada em Natal, onde vim visitar a família. A viagem foi longa, muito longa e aconteceu assim:

aeroporto de Tel Aviv

aeroporto de Paris

aeroporto de Frankfurt

aeroporto de Lisboa

Além de ainda não ter me recuperado do trajeto e das mudanças de temperatura e fuso horário, meu coração está triste. Deixei esposa e gatinha em casa, na Palestina, e Shams (a gatinha) estava muito doente quando parti. Ela adoeceu de repente e o veterinário suspeitou de envenenamento (algo que comeu no jardim?). Apesar do tratamento e dos esforços de Anne pra que ela se recuperasse, hoje de manhã recebi a notícia que ela tinha morrido. Shams só ficou duas semanas conosco, mas nos apegamos muito à ela. Vou sentir tanta falta daquela coisinha linda me seguindo pela casa e me observando cozinhar do seu cantinho preferido, ao lado do fogão…

uma das ultimas fotos que fiz de Shams, no colo de Anne

Vou precisar de alguns dias pra me recuperar disso tudo, mas volto em breve. A estada em Natal promete ser intensa e animada.

Anúncios