Aloo masala (batatas com ervilhas e especiarias)

Esse post vai ser breve, pois estou com visita do Brasil aqui em casa (mais detalhes em breve).

Eu falei da minha relação ambígua com comida indiana aqui, mas tem um prato tradicional que mora no meu coração: masala dosa. Dosa é um crepe de arroz fino e crocante, recheado com uma mistura de batata cozida e especiarias. Foi a única coisa não apimentada que comi na Índia e salvou minha vida durante as semanas que passei naquele país. Nunca tentei fazer masala dosa em casa, pois a receita é trabalhosa e demorada (a massa tem que fermentar durante um dia inteiro), mas um dia pretendo escalar esse Everest culinário. Porém quando achei a receita do aloo masala, o recheio dos dosas, e vi o quanto era fácil, pensei que podia preparar a batata sozinha, como acompanhamento. Já expliquei que não sou muito chegada a batata, então decidi que aumentaria a quantidade de vegetais da receita. É comum usar batatas com ervilhas na Índia, tanto no recheio de samosas quanto de dosas, então anotei na cabeça “fazer aloo masala com ervilhas” e continuei minhas atividades normais durante meses, até o dia em que me deparei com as primeiras ervilhas do ano no mercado. Hoje pude enfim fazer meu primeiro aloo masala e embora eu tenha feito algumas pequenas mudanças na receita original, a primeira garfada me levou de volta pra Bombaim, onde comi meu primeiro masala dosa.

Como a receita de ensopado de legumes indiano, esse prato não é apimentado e tem um sabor típico, mas ao mesmo tempo acessível pra quem não tem muita intimidade com a culinária indiana.

Aloo Masala (batata com ervilha e especiarias)

Ervilha fresca é um legume totalmente diferente de ervilha enlatada. Como sempre, prefiro a fresca. A segunda opção seria ervilha congelada, mas se for realmente impossível achar ervilha fresca/congelada, use enlatada. Mas vou logo avisando que o sabor é diferente e o prato vai ficar menos saboroso.

4-5 batatas médias

1x de ervilha fresca ou congelada (ou enlatada, se essa for a única opção)

1x de cebolinha picada (a parte branca e um pouco do verde) ou 1 cebola

1 dente de alho grande

1cc de semente de cominho

1/2cc de semente de coentro

1/2cc de mostarda em grãos (preta ou amarela)

1/2cc de cúrcuma

1/2cc de garam masala* ou curry em pó (opcional)

1 punhado de coentro

Suco de meio limão

2cs de óleo

Sal e pimenta do reino a gosto

Descasque e corte as batatas em pedaços médios. Cozinhe na água com sal até ficarem macias. Retire os pedaços de batata cozida da panela e reserve. Na mesma água que você cozinhou as batatas, cozinhe as ervilhas (se estiver usando ervilhas enlatadas não precisa fazer isso, claro). Corte as cebolinhas (ou cebola) miúdas e rale ou amasse o dente de alho. Coloque as sementes de cominho, coentro e mostarda  em uma frigideira grande e funda e leve ao fogo médio até elas começarem a pipocar. Coloque o óleo, a cebolinha e o alho na frigideira e refogue durante alguns minutos. Junte a batata cozida, a cúrcuma e o garam masala (se estiver usando). Cozinhe mexendo e fazendo um pouco de pressão com as costas da colher de pau até todos os ingredientes se misturarem e uma parte das batatas ficar amassada (mas cuidado pra não transformar tudo em purê). Junte as ervilhas cozidas, o coentro e o suco de limão. Desligue o fogo e tempere com pimenta do reino a gosto e corrija o sal, se achar necessário. Rende 3-4 porções como acompanhamento.

*Garam masala é um mistura de especiarias típica da Índia. A receita varia de acordo com a região, mas geralmente leva semente de coentro, semente de cominho, mostarda em grãos, pimenta do reino, cravo, cardamomo, folhas de louro, noz-moscada, canela e anis.

Anúncios