bolo de melado e especiarias

Estou atualmente na França, visitando a família francesa, e como eles são onívoros super abertos e adoram meus quitutes vegetais, fiz várias delícias desde que cheguei aqui. Vou tentar postar algumas receitas nos próximos dias, mas pra não sacrificar muito o precioso (e curto) tempo de férias, vou tentar conter minha verborragia e ser breve.

A primeira receita doce que postei aqui foi um bolo de especiarias francês, “pain d’épices”, que eu adorava degustar quando morava em Paris. Ele ainda é um dos meus bolos preferidos: intenso, rústico, timidamente doce e, com se isso não fosse suficiente, é integral e sem açúcar. O sabor? Se um pão de mel cruzasse com uma soda preta (bolacha macia de rapadura, muito apreciada no interior do Nordeste brasileiro), o filhote seria esse bolo. É o acompanhamento perfeito pro café da tarde.

bolo de melado e especiarias1

Postei essa receita há mais de dois anos e meio e nesse ínterim a maneira como cozinho evoluiu bastante (a qualidade das minhas fotos também, felizmente). A receita antiga tinha margarina e faz tempo que esse ingrediente saiu da minha cozinha (por razões de saúde, mas também de sabor). Hoje eu prefiro fazer bolos com azeite e a receita antiga estava precisando de uma atualização. Nessa versão também indico as medidas em xícaras, ao invés de gramas e mililitros. Fiz outras pequenas alterações, como o acréscimo de aveia, e simplifiquei a mistura de especiarias. A versão 2012 do bolo ficou ainda melhor e mais fácil de preparar, então resolvi mudar até o nome: agora a minha adaptação do pain d’épices francês se chama “bolo de melado e especiarias”.

bolo de melado e especiarias3

Bolo de melado e especiarias

Como expliquei acima, esse bolo, adoçado unicamente com melado, é menos doce do que bolos tradicionais. Como toda a farinha é integral, a textura é ligeiramente densa. Se você está procurando um bolo doce e bem fofo, essa receita não é pra você. Mas se você gosta de rapadura e bolos com caráter forte, siga em frente e você não vai se decepcionar. As lascas de amêndoas desempenham um papel puramente estético, logo são absolutamente dispensáveis.

1x de melado (mel de engenho)

1x de leite vegetal (uso leite não adoçado, mas você pode usar um leite adoçado se quiser um bolo mais doce)

3/4x de azeite

1 1/2x de farinha de trigo integral

1/2x de farinha de aveia* (ou farelo de aveia)

2cc de canela

1cc de gengibre em pó

1/2cc de noz moscada ralada

1cc de bicarbonato de sódio

Um punhado de amêndoas em lascas (opcional)

Pré-aqueça o forno em temperatura média. Coloque o melado, leite vegetal e azeite em uma panela pequena e aqueça em forno baixo. Mexa bem pra dissolver o melado e desligue o forno quando a mistura amornar (não deixe esquentar demais). Misture a farinha, aveia, especiarias, bicarbonato e sal e despeje a mistura líquida por cima. Mexa delicadamente (um batedor manual estilo “fouet” é perfeito pra misturar a massa) até incorporar os ingredientes secos aos molhados. A massa é mais líquida do que massas pra bolos tradicionais. Unte (com óleo) e enfarinhe uma forma pequena. Despeje a massa na forma, cubra com as amêndoas em lascas, se estiver usando, e leve ao forno. Pra testar o cozimento, insira uma faca no centro do bolo: ele está pronto quando ela sair limpa. Cuidado pra não assar demais, ou o bolo ficará seco. Esse bolo fica ainda mais gostoso no dia seguinte, então o ideal é prepara-lo na véspera da degustação.

*Eu faço minha farinha de aveia triturando aveia em flocos no liquidificador.

Anúncios